Petróleos sobem com possível aumento da demanda americana 

Barril de WTI atinge maior valor no ano 

Os preços dos barris de petróleo fecharam em forte alta nesta quarta-feira (9), contando com uma queda nas reservas de gasolina americanas que reacendeu a confiança em um aumento da demanda dos EUA, maior consumidor mundial de petróleo.

Além disso, analistas acreditam que o aumento das reservas da commodity nos EUA na semana passada, anunciado pelo governo hoje, pressionará a Organização dos Países Exportadores de Petróleo (Opep) para que, na reunião marcada para o próximo dia 20, o cartel venha a congelar a produção para evitar a queda das cotações no futuro.

O barril de Brent para entrega em maio fechou hoje em alta de 3,43% no mercado de futuros de Londres, cotado a US$ 40,95.

O petróleo do Mar do Norte terminou a sessão no International Exchange Futures (ICE) US$ 1,36 acima do valor final da sessão da véspera, que foi de US$ 39,59.

Já o WTI fechou com forte avanço de 4,38%, cotado a US$ 38,29, o maior valor do ano.

Ao final da sessão de hoje na Bolsa Mercantil de Nova York (Nymex), os contratos futuros do WTI para entrega em abril subiram US$ 1,79 em relação ao fechamento da véspera.

Utilizamos cookies essenciais e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade.
Ao continuar navegando, você concorda com estas condições.
Saiba mais