Volkswagen vai reduzir investimento em 1 bi de euros ao ano

A montadora alemã Volkswagen anunciou nesta terça-feira (13/10) um plano de cortes de investimentos de um bilhão de euros ao ano de sua principal marca, como parte das medidas adotadas para enfrentar o escândalo dos dispositivos instalados nos carros para adulterar testes ambientais.

Em comunicado a empresa declarou que "a nova diretoria da marca Volkswagen adotou hoje uma série de decisões estratégicas em uma reunião extraordinária e seu presidente, Herbert Diess, determinou um corte de investimentos de um bilhão de euros ao ano e intensificação de medidas de eficiência".

Ainda segundo o comunicado, Diess afirmou que "a marca Volkswagen se reorienta para o futuro. Seremos mais eficientes, reorganizaremos nossa gama de produção e nossas tecnologias de ponta e, em combinação com a aceleração de medidas de eficiência, teremos mais espaço para as tecnologias mais modernas".

O grupo Volkswagen admitiu em setembro ter instalado um software que falsificava os dados de emissões poluentes em 11 milhões de veículos a diesel de várias de suas 12 marcas.