Diretora-gerente do FMI gostaria de um novo mandato à frente da instituição

Christine Lagarde disse estar 'aberta para servir', mas que decisão não cabe a ela

Presente no encontro anual do Fundo Monetário Internacional (FMI) com o Banco Mundial, que neste ano acontece em Lima (Peru), a diretora-gerente do FMI Christine Lagarde demonstrou estar aberta a um novo mandato à frente da instituição. Mesmo assim, ela afirmou que a decisão não cabe a ela, e sim aos membros do Fundo.

Questionada se esta seria a última reunião entre FMI e Banco Mundial sob seu comando, Lagarde disse que possivelmente. "Isso não cabe a mim decidir. É uma decisão que cabe aos membros. Estou aberta para servir", atestou.

O mandato da economista vai até junho de 2016. Lagarde atua como diretora-gerente do Fundo há mais de quatro anos; primeira mulher a comandar a instituição, ela assumiu o cargo em 28 de junho de 2011, substituindo Dominique Strauss-Kahn. 

Por Ana Siqueira