Sebrae articula novas parcerias para projetos tecnológicos no setor do petróleo

A  formação de parcerias para o desenvolvimento de tecnologias inovadoras é um fator constante no setor de petróleo, mesmo em um momento de menores investimentos. A partir dessa perspectiva, a articulação de projetos de pequenas companhias com grandes empreendedores do mercado se mantém como maior foco e aposta do Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas no Rio de Janeiro (Sebrae-RJ), que realiza rodadas de negócios voltadas para o estabelecimento de novas cooperações no segmento petrolífero. 

Embora as empresas de menor porte participem de forma intensa e majoritária na elaboração de projetos inovadores, afirma o coordenador de petróleo e gás do Sebrae-RJ, Antonio Batista, elas ainda apresentam dificuldades para alcançar o mercado e obter financiamentos para suas propostas. Após o processo de identificação de projetos tecnológicos, a entidade buscará durante o próximo mês se reunir com pequenas e grandes empresas para avançar em uma maior integração, levando à concretização de novos negócios. O Sebrae realizou também, ao longo da última semana, reuniões de inovação aberta, nas quais busca captar as necessidades das companhias e, a partir disso, desenvolver novos empreendimentos no setor. 

“Nos só objetivo agora é iniciar as oficinas de identificação de demandas tecnológicas, para em um segundo momento traçar rotas que apoiem os empreendedores interessados nessas oportunidades”.

Com Petronotícias