Presidente do Banco Central da Argentina renuncia

O presidente do Banco Central (BC) da Argentina, Juan Carlos Fábrega, anunciou que deixará o cargo nesta quarta-feira. De acordo com o jornal local "Clarín", sua saída foi motivada pelo "duro discurso" proferido pela presidente Cristina Kirchner na noite de ontem. 

Na ocasião, ela questionou seu controle sobre o chamado "dólar liqui", obtido por meio de venda de ações no exterior.