Lojistas do Rio apostam no aumento das vendas no Dia das Crianças

O comércio lojista da capital fluminense está otimista com um aquecimento nas vendas para o Dia das Crianças, comemorado em 12 de outubro. O setor espera um crescimento 4% superior ao do ano passado. Os dados são da pesquisa do Centro de Estudos do Clube dos Diretores Lojistas do Rio de Janeiro (CDLRio), que ouviu 500 representantes dos ramos de brinquedos, roupas, calçados, eletrônicos, artigos esportivos infantis e infantojuvenis, para conhecer a expectativa dos empresários.

O presidente do CDLRio, Aldo Gonçalves, diz que as vendas no Dia das Crianças deverão ser melhores que as de 2013. “Além disso, os lojistas continuam inovando bastante este ano para seduzir ainda mais os pais e avós e apostaram nas promoções, diversificação de planos de pagamento e crédito mais fácil”, ressaltou.

Os lojistas estimam  que o preço médio dos presentes por pessoa deve em torno de R$ 170 e que 97% dos clientes deverão usar o cartão de crédito parcelado como forma de pagamento, seguido de cartão de loja, cheque pré-datado, dinheiro, cartão de débito e carnê, respectivamente. A pesquisa mostra que os pais (69,2%) e os avós (23,1%) são os que mais presenteiam. Além disso, a maioria das crianças (53,8%) escolhe o próprio presente.