Previdência Social tem rombo de R$ 2,75 bilhões em junho

A Previdência Social registrou um déficit de R$ 2,757 bilhões em junho, segundo dados divulgados na manhã desta quarta-feira pelo Ministério da Previdência. O valor, que representa um crescimento de 38,1% sobre o mesmo período do ano passado,  é resultado de uma arrecadação líquida de R$ 21,631 bilhões e de uma despesa com pagamento de benefícios de R$ 24,389 bilhões. 

Em junho de 2011, o resultado previdenciário havia sido negativo em R$ 1,997 bilhão - valor corrigido pelo INPC. Dessa forma, o crescimento do déficit nas comparações entre os meses de junho foi de 38,1%.

No acumulado do primeiro semestre de 2012, o déficit da Previdência já soma R$ 20,780 bilhões. O rombo é levemente maior (0,1%) do que o verificado na primeira metade de 2011, de R$ 20,749 bilhões. 

De janeiro a junho deste ano, a Previdência arrecadou R$ 127,103 bilhões e teve despesas com benefícios no total de R$ 147,883 bilhões. Os valores acumulados também são corrigidos pelo INPC.