Índice de preços ao consumidor dos EUA cai 0,1% em outubro

O índice de preços ao consumidor de outubro foi divulgado hoje nos Estados Unidos e caiu 0,1% em relação a setembro, após um aumento mensal de 0,3% em setembro, segundo informou hoje o Departamento do Trabalho do país. 

O núcleo do CPI, que exclui variações nos preços de alimentos e energia, subiu 0,1% em outubro, repetindo o aumento de 0,1% registrado em setembro.

A previsão dos analistas era de que o CPI ficaria estável em outubro e o núcleo aumentaria 0,1%, na comparação com setembro. Na comparação com outubro do ano passado, o CPI subiu 3,5% em outubro, enquanto o núcleo avançou 2,1%. A "zona de conforto" do Federal Reserve (Fed, banco central norte-americano) para a inflação é em torno de 2,0%.

Segundo o Departamento de Comércio, a queda no CPI em outubro é resultado de uma redução de 3,1% nos preços da gasolina e de 2,0% em outros produtos do setor de energia. Os preços dos alimentos subiram 0,1%, a menor elevação mensal do ano. Os preços dos aluguéis aumentaram 1,8%.