Moody's atribui rating à Itaúsa pela 1ª vez

SÃO PAULO, 19 de maio de 2010 - A Moody's atribuiu pela primeira vez ratings à Investimentos Itaú (Itaúsa) de "A3" e "Aaa.br" em escala global e na escala nacional brasileira, respectivamente. Ao mesmo tempo, a Moody's atribuiu rating de dívida em escala global em moeda local "A3" à emissão da Itaúsa de R$1,4 bilhão em debêntures sênior com vencimento em três anos.

Além disso, a Moody's América Latina atribuiu rating "Aaa.br" na escala nacional brasileira às debêntures da Itaúsa a serem emitidas em uma única série. Esta é a primeira emissão de dívida da Itaúsa e está sendo realizada de acordo com a Instrução 476 da Comissão de Valores Mobiliários (CVM). A perspectiva para todos os ratings é estável.

De acordo com a agência de classificação de risco, "o rating de emissor 'A3' reflete o perfil de liquidez historicamente saudável da Itaúsa e a baixa alavancagem da holding, que estão apoiados por contribuições de dividendos regulares advindas das principais subsidiárias. O controlador também se beneficia de uma administração de risco disciplinada e diretrizes de governança adequadas - fatores que sustentam o desempenho do crédito de suas subsidiárias".

Dentre os principais investimentos da Itaúsa estão o Itaú Unibanco Holding, Elekeiroz, Duratex e Itautec.

(Redação - Agência IN)