Lucro do Banco do Brasil aumenta 41% no primeiro trimestre

Kelly Oliveira, Agência Brasil

BRASÍLIA - O Banco do Brasil (BB) registrou lucro líquido de R$ 2,351 bilhões no primeiro trimestre deste ano, resultado 41,2% superior ao apurado no mesmo período de 2009.

O BB alcançou R$ 724,881 bilhões em ativos totais ao final de março deste ano, um crescimento de 22,5% em relação ao mesmo mês de 2009.

O crédito às pessoas físicas chegou a R$ 95,092 bilhões ao final do primeiro trimestre do ano, um aumento de 55,5% em 12 meses. O crédito consignado e as operações de financiamento de veículos foram os principais responsáveis por esse crescimento, segundo o BB.

A carteira de pessoa jurídica, que representa 41,9% do total, somou R$ 128,080 bilhões em março de 2010, expansão de 25,8% em 12 meses, impulsionada pelo crescimento das operações de capital de giro e investimento.

A relação entre as operações vencidas e a carteira de crédito registrou retração de 6,8% em dezembro de 2009 para 6,6% em março de 2010. As operações vencidas há mais de 60 dias reduziram a sua participação na carteira total de 3,7% para 3,6% no mesmo período de comparação.

A inadimplência acima de 90 dias encerrou o primeiro trimestre em 3,1%, contra os 3,3% do resultado trimestral anterior. Em março de 2009, esse indicador era de 2,7%.