Petrobras inaugura hoje Gasoduto Gasene

SÃO PAULO, 26 de março de 2010 - Com a presença do presidente Luiz Inácio Lula da Silva, a Petrobras inaugura hoje o Gasoduto da Integração Sudeste Nordeste (Gasene) - maior gasoduto em extensão construído no Brasil nos últimos dez anos e principal empreendimento para expansão da malha de transporte de gás natural do País entre 2003 e 2010, período em que a rede de gasodutos de transporte brasileira passou de 5.451 km para 9.219 km.

O Gasene tem 1.387 km, 28 polegadas e capacidade para transportar 20 milhões de m³/dia de gás natural. Num traçado que liga o Rio de Janeiro à Bahia, o gasoduto cumpre a função estratégica de integrar as malhas de transporte de gás natural das regiões Sudeste e Nordeste. No começo de sua operação, o Gasene parte com capacidade de transporte de 10 milhões de m³/dia, que deverá ser ampliada, por meio de estações de compressão, à medida que o mercado cresça.

Em comunicado, a Petrobras destaca que com o gasoduto o país rompe uma fronteira gasífera: de um lado, o Sudeste, onde estão situados os principais campos produtores e o maior mercado consumidor; de outro, o Nordeste, que produz gás natural, mas em quantidade insuficiente para permitir o crescimento do mercado.

Com investimentos da ordem de R$ 7,2 bilhões e geração de 47 mil empregos diretos e indiretos, as obras do gasoduto da integração foram divididas em três trechos: Cacimbas-Vitória (130 km), Cabiúnas-Vitória (303 km) e Cacimbas-Catu (954 km). Os dois primeiros já estão prontos e em operação comercial. Com 954 km, o terceiro e maior trecho, o gasoduto Cacimbas-Catu (Gascac), foi concluído neste mês de março.

As obras do Gascac foram iniciadas em março de 2008 e concluídas em 24 meses.

(Redação - Agência IN)