Bolsas europeias buscam maior alta semanal desde novembro

REUTERS

LONDRES - As bolsas de valores da Europa exibiam alta pela quinta sessão consecutiva nesta sexta-feira, conduzidas por ações do setor bancário e ligadas a commodities antes da divulgação dos resultados do Citi, Bank of America e General Electric. O FTSEurofirst 300, principal índice do continente, avançou 7,1% nesta semana e está a caminho de registrar o melhor ganho semanal desde o final de novembro do ano passado.

Às 8h13 (horário de Brasília), o índice FTSEurofirst 300 exibia alta de 0,59%, a 871,96 pontos. Na quinta-feira, o indicador atingiu o maior patamar de fechamento em um mês.

Os bancos apresentavam as maiores altas. Deutsche Bank, Banco Santander, Société Générale, HSBC e Royal Bank of Scotland subiam de 0,6 a 1,4%.

O Swedbank revertia perdas iniciais e exibia alta de 3,3%, apesar de ter divulgado um prejuízo operacional maior que o esperado no segundo trimestre.

- O mercado está aguardando boas notícias e está interpretando tudo de forma positiva. Se estão interpretando corretamente, eu não tenho muita certeza - disse Justin Urquhart Stewart, diretor da Seven Investment Management.

- Contudo, a habilidades (de interpretação) podem ser desafiadas nas próximas semanas... Embora os números do setor bancário devam mostrar que bancos estão indo bem, a economia global ainda está lenta - afirmou.

Papéis atrelados a commodities também operavam em território positivo, com BP, Royal Dutch Shell e Total ganhando entre 0,3 e 0,9%.

No setor de mineração, BHP Billiton, Rio Tinto, Anglo American e Xstrata avançavam de 0,8 a 2,2%.