Consumo aumenta em março, após 2 meses de queda

SÃO PAULO, 28 de abril de 2009 - Depois de dois meses seguidos de queda, o consumo nacional de gás canalizado subiu 3,01% em março em relação a fevereiro. Com a alta, o consumo médio diário em março chegou aos 34,4 milhões de metros cúbicos, ficando acima dos 33,4% consumidos em fevereiro, quando fechou em queda de 1,03%, em relação a janeiro - o menor consumo desde 2004.

Os dados foram divulgados hoje pela Associação Brasileira das Empresas Distribuidoras de Gás Canalizado (Abegás). Segundo a Abegás, a alta de março foi motivada pelos segmentos industrial e elétrico e 'indica que o mercado tenta reagir, embora a média de crescimento ainda seja pequena'.

Ao analisar cada setor individualmente, os dados consolidados da Abegás mostram, porém, que, à exceção das indústrias e das termelétricas, os demais setores apresentaram índices de retração, com o segmento residencial apresentando a maior queda (- 6,56%), seguido pelas áreas de co-geração (- 2,96%), automotiva (- 2,41%) e comercial (- 0,99).

Apesar do aumento do consumo em março, na comparação com o mesmo período do ano passado o resultado ainda é tímido. A retração é de 32,49%.

A Região Sudeste continua liderando o consumo com 24,7 milhões de metros cúbicos por dia em março; seguida pelas regiões Nordeste com 5,3 milhões de metros cúbicos; e Sul com 4,2 milhões. As regiões Centro-Oeste e Norte consumiram, respectivamente, 104 mil e 2,5 mil metros cúbicos por dia.

As informações são da Agência Brasil.

(Redação - InvestNews)