Lucro do Crédit Agricole cai 94,11% no 2° trimestre

SÃO PAULO, 28 de agosto de 2008 - O Crédit Agricole, terceiro maior banco em valor de mercado da França, anunciou um recuo de 75,47% no lucro líquido do primeiro semestre deste ano, para ? 968 milhões, em relação ao mesmo período do ano anterior, influenciado pelo impacto negativo da crise no mercado de crédito subprime ou de alto risco nos Estados Unidos.

Já o lucro líquido do segundo trimestre deste ano caiu 94,11%, para ? 76 milhões, resultado abaixo do projetado pelos analistas, que estimavam por um ganho de ? 150 milhões no período. Entre abril e junho, a instituição financeira francesa reportou amortizações avaliadas em ? 693 milhões devido a sua exposição à crise de crédito hipotecário norte-americano.

O lucro operacional do Crédite Agricole no primeiro semestre deste ano recuou 94,48%, para ? 183 milhões, em relação ao mesmo período do ano anterior, quando atingiu ? 3,355 bilhões.

Em junho, o banco francês anunciou um aumento de capital de ? 5,9 milhões para enfrentar os efeitos da crise. Naquela oportunidade, a instituição financeira francesa afirmou que já havia iniciado um programa de redução de custos e uma revisão no foco dos negócios em sua unidade de investimentos.

(Redação - InvestNews)