PIB do Reino Unido registra menor crescimento desde 2001

SÃO PAULO, 25 de julho de 2008 - A economia do Reino Unido apresentou no segundo trimestre deste ano o menor nível de crescimento desde 2001, devido à retração da produção industrial e do setor de construção, assim como a desaceleração dos serviços financeiros, aspectos que deixaram o Reino Unido perto de uma recessão, informou hoje o Escritório Nacional de Estatísticas.

O Produto Interno Bruto (PIB) cresceu 0,2% entre abril e junho. O resultado ficou em linha com a estimativa dos analistas. No acumulado do ano, a economia cresceu 1,6%, o que representa o menor índice em pelo menos três anos.

De acordo com analistas, uma recessão na região é provável. Os altos custos do crédito e a crise no mercado hipotecário nos Estados Unidos afetou o crescimento da economia britânica, uma vez que a aceleração da inflação impediu o Banco da Inglaterra (BoE, central) de cortar a taxa básica de juros, atualmente fixada em 5% ao ano.

(Redação - InvestNews)