Três vezes Lorca em Botafogo

“Teatro Breve de Garcia Lorca”, do dramaturgo e poeta espanhol Federico Garcia Lorca, estreia temporada amanhã no Solar de Botafogo. Dirigido por Brigitte Bentolila, francesa que mora no Brasil, o espetáculo é composto por três peças: “O passeio de Buster Keaton”; “A donzela, o marinheiro e o estudante” e “Quimera”. O cinema mudo de Buster Keaton, em Nova York; o amor da donzela para o marinheiro e o estudante na Espanha; e o pai que deixa filhos e mulher na Andaluzia são histórias simples e curtas que se provocam e se interpelam.

Os textos são levados ao palco com poesia, dança e música pelos atores Paulo Guidelly e Vanessa Pascale. “O espetáculo pode ser entendido e apreendido de forma quase muda. Percebido através do corpo e do gesto, feito de imagens, ruídos e sensações, escrito e desenhado no espírito de juventude que desperta um olhar sobre a vida. Sua leveza é poética e profunda, onde a palavra surge a partir da rara necessidade”, diz a diretora. “O processo é muito intenso e rico! Há dança, poesia, cinema e culturas variadas. Viajamos no tempo e no espaço. É um trabalho de muita sensibilidade”, diz Vanessa, empolgada.

O espetáculo fica em cartaz até 5 de setembro.

__________

Serviço

TEATRO BREVE DE GARCIA LORCA - Solar de Botafogo (R. Gal. Polidoro, 180 – Botafogo; Tel.: 2543-5411). Ter. e qua., às 20h. R$ 30. Até 5/9.