O pior do novelão: confira a crítica de 'Acrimônia'

O realizador Tyler Perry sempre foi focado na cultura negra. Diretor e escritor prolífico, ele lida com problemas como violência doméstica, pobreza, moradores de rua e afins com a visão da sua comunidade. Uma abordagem que tem seus méritos e reflexões. Entretanto, “Acrimônia” assume ares de novelão, visto pelo pior lado possível. “Acrimônia significa aspereza e ela é facilmente vista na direção e roteiro raso que não se acertam. Melinda (Taraji P. Henson e Ajiona Alexus, na fase jovem) é uma mulher apaixonada que vê seu mundo ruir nas mãos de Robert (Lyriq Bent e Antonio Madison) e parte para uma perturbada vingança.  O tom errado de melodrama, o desperdício de Taraji e os efeitos de chroma key já seriam suficientes para afundar a produção, mas esta faz questão de ter um final desastroso e irrisório. 

*Assistente de direção e jornalista

____________

ACRIMÔNIA: * (Ruim)

Cotações: o Péssimo; * Ruim; ** Regular; *** Bom; **** Muito Bom

____________