Escritor catalão vence Prêmio Miguel de Cervantes

Eduardo Mendoza levou o 'Nobel' da literatura espanhola

O escritor catalão Eduardo Mendoza, 73 anos, autor do livro "La Ciudad de los Prodigios", foi o vencedor do Prêmio Miguel de Cervantes em 2016, anunciou o ministro da Cultura da Espanha, Iñigo Méndez de Vigo.    

Ao anunciar o vencedor, De Vigo afirmou que Mendoza recebe a honraria, considerada o "Nobel" da literatura espanhola, "por sua literatura cheia de sutilezas e ironias".    

O Prêmio, criado em 1975, volta para a Espanha após no ano passado ter sido entregue para o escritor mexicano Fernando del Paso.