Peter Copping deixa direção criativa da Oscar de la Renta

Estilista estava há apenas 2 anos no cargo

Após o recente anúncio da saída da estilista Maria Grazia Chiuri da direção criativa da grife Valentino, a maison norte-americana Oscar de la Renta declarou que Peter Copping, o até então diretor criativo da marca, deixará seu cargo.

A notícia, que ao contrário da de Grazia Chiuri não era nem um pouco esperada, deixou o mundo da moda sem palavras. Copping ainda não tinha completado 2 anos na posição, tendo sido escolhido pelo próprio de la Renta um pouco antes da morte do italiano, que aconteceu em outubro de 2014. 

De acordo com um comunicado, o estilista afirmou que "circunstâncias pessoais" pedem que ele "volte para a Europa". "Eu amei meu tempo em Nova York e espero retornar no futuro", diz o norte-americano. 

O CEO da grife, Alex Bolen, também comentou sobre o assunto explicando que a próxima coleção da maison, que será apresentada em setembro em Nova York, será pensada e produzida por uma equipe interna "com o foco no alto nível de sofisticação e trabalho artesanal que são as marcas da casa", explicou o empresário. 

Com a repentina saída de Copping, a diretoria criativa da Oscar de la Renta está vazia e ainda não se têm notícias oficiais de que quem irá ocupá-la. Boatos afirmam, no entanto, que os estilistas Fernando Garcia e Laura Kim, que trabalharam para a marca no passado, mas que no momento estão na Carolina Herrera, podem ser os novos donos da vaga.

Utilizamos cookies essenciais e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade.
Ao continuar navegando, você concorda com estas condições.
Saiba mais