Bielorrussa Svetlana Alexievich vence Nobel de Literatura

Escritora e jornalista não tem sua obra editada no Brasil

A escritora e jornalista bielorrussa, Svetlana Alexievich, de 67 anos, foi anunciada nesta quinta-feira, dia 8, a vencedora do Prêmio Nobel de Literatura de 2015. A favorita ao prêmio, que não tem nenhuma de suas obras editadas no Brasil, foi escolhida "por seus escritos polifônicos, um monumento ao sofrimento e à coragem em nosso tempo", apontou o comitê da premiação.

    A jornalista é conhecida por suas reportagens bastante pessoais sobre marcos históricos da história da União Soviética, como a Guerra do Afeganistão (1979-1989) e o acidente nuclear de Chernobyl (1986).

    Alexievich é uma das 14 mulheres que venceram o prêmio em seus mais de 100 anos da história e a primeira de origem russa nos últimos 25 anos.

    Demais prêmios - O sueco Thomas Lindahl, o norte-americano Paul Modrich e o turco Aziz Sancar foram os ganhadores do prêmio Nobel de Química por descobrirem os mecanismos que reparam erros do DNA humano nesta quarta-feira (08). Na última terça-feira, o japonês Takaaki Kajita e o canadense Arthur B. McDonald foram os vencedores do prêmio Nobel de Física.

    Amanhã é anunciado o Nobel da Paz, que tem o papa Francisco e a chanceler da Alemanha, Angela Merkel, como favoritos. No próximo dia 12, o ganhador do Nobel de Economia é conhecido. (ANSA)