Caixão com iniciais de Cervantes é encontrado

Féretro com as iniciais M.C pode ter restos mortais do escritor

Um caixão com as iniciais do escritor espanhol Miguel de Cervantes foi encontrado na cripta do Convento das Trinitárias, em Madri.

Segundo fontes da equipe de investigação, o féretro com as iniciais M.C pode conter os restos mortais do "pai da língua espanhola".

As buscas pelo local exato de onde Cervantes está enterrado começaram em abril do ano passado. Durante este período, já foram analisados vários túmulos embaixo do terreno da Igreja madrilenha, onde registros apontam estar o corpo do criador de "Dom Quixote" desde 1616.

Para se certificar de que o caixão encontrado é do escritor, os restos mortais serão analisados.

Os peritos procuram por um corpo que tenha sido enterrado com cerca de 70 anos, com artrose na coluna vertebral, lesões no torso e no braço esquerdo e falta de dentes na boca.

O objetivo do projeto é encontrar o local do sepultamento de Cervantes até o ano que vem, quando será comemorado o aniversário de 450 anos da morte do escritor. (ANSA)