Miley Cyrus enlouquece fãs com show sexy e divertido em SP

Um show pop de primeira. Isso foi o que a cantora Miley Cyrus deu aos seus fãs na noite de sexta-feira (26), na Arena Anhembi, em São Paulo. "Sei que alguns de vocês esperaram por dois ou três dias por hoje. Então temos que compensar, vamos incluir algumas músicas para que vocês curtam essa noite", disse a artista depois de abrir a apresentação de 20 músicas. Na verdade, muitos ali esperaram bem mais do que três dias, chegando a acampar por um mês.

Ansiosos pela estreia da turnê mais polêmica da cantora no Brasil - no domingo (28) ela se apresenta na Praça da Apoteose, no Rio de Janeiro -, os fãs resistiram à chuva que caiu apenas algumas horas antes da abertura dos portões e "se jogaram" no setlist do começo ao fim. Por volta das 21h, Miley surgiu de uma cortina prateada e arrancou gritos de uma plateia ainda apreensiva por conta das mudanças que o show sofrera devido à questões de logística. 

Estrela de freak show

As três primeiras músicas - Bangerz4x4 e Love Money Party - serviram para abrir o show em clima de festa. De maiô amarelo e capa de plumas, Miley mal cantou as faixas e focou mais em suas caras e bocas, além da interação com os dançarinos, que se resumia a bater no bumbum de uma delas, além de abusar do "twerk", como os americanos chamam o movimento que aqui no Brasil é coreografia comum em bailes funk.

A gritaria chamou a atenção da cantora, que elogiou: "Vocês são o público mais barulhento dessa turnê até agora". Como se quisesse comprovar o tamanho da loucura dos admiradores por ela, propôs uma "brincadeira". "Já está meio molhado aqui, mas vamos ver o quão estranhos vocês são agora", disse, ao pegar uma garrafa d'água, encher a boca e cuspir em fãs que ocupavam o lugar mais cobiçado do show. Alguns até abriram a boca.

Fez falta, mas nem tanto

Um escorregador em formato de língua, um hot dog inflável e uma série de figurinos ficaram de fora da turnê da América Latina, mas isso não foi motivo para desânimo. O próprio público, aliás, fez sua parte, imitando roupas usadas pela cantora na turnê gringa. Originalmente, na Bangerz Tour, Miley exibe um maiô com estampa de folhas de maconha, por exemplo. E lá estavam elas em camisetas circulando pelo Anhembi. 

No palco, a cannabis voltou a aparecer, mas em formato de baseado. As dançarinas de Miley surgiram fantasiadas de seda, com direito à ponta acesa e tudo. Para alívio dos pais, algumas fãs mais novas não perceberam a referência e comentavam: "Você viu aquele cigarro?", em meio a risos.

Caiu no palco, virou parte do show

Não há nada que passe despercebido por Miley no palco. A quantidade de presentes jogador por fãs foi enorme, sendo armazenada em cestas por membros da equipe quando não pegos pela própria cantora, como dois sutiãs que ela fez questão de exibir. Miley também vestiu duas camisetas atiradas por fãs, além de mostrar a gratidão ao ganhar um porco de pelúcia, em referência ao próprio porquinho de extimação, Bubba Sue.

Sob olhares confusos de alguns pais na plateia, que agurdavam pacientemente com os braços cruzados enquanto as filhas tentavam imitar as coreografias, ela cantou Maybe You're Right, FU, My Darling, Do My Thang e #GetItRight. Espremida na plateia VIP, uma fã exibia um cartaz anunciando a morte de seu cachorro. Foi a deixa para que Miley - que também perdeu um de seus cães, o husky siberiano Floyd, morto em um ataque de coiotes - dedicasse a 11a música do set, Drive, ao animal. Durante a balada Adore You, um dos elementos favoritos dos fãs se fez presente: a Kiss Cam, câmera que focava em membros da plateia, à procura de beijos. O resultado foi o momento mais romântico da noite, com direito a aplausos especialmente aos casais homossexuais demonstrando seu amor à toda Arena.

Divertida e escrachada

Ninguém se surpreende com uma quantidade enorme de playbacks em um show de pop. No entanto, Miley Cyrus não fez corpo mole para a plateia brasileira. Apesar de contar com o recurso em todas as músicas, se esforçou para soltar a voz e fez quatro covers bem interessantes bem no meio da apresentação. Além de Lucy In The Sky With Diamonds, dos Beatles, a cantora homenageou duas outras grandes artistas, Etta James e a estrela country Dolly Parton, com I'll Take Care Of You Jolene.

O momento não empolgou os fãs tanto quanto os anteriores, mas deu fôlego para o final da apresentação, que reuniu quatros hits do disco Bangerz. As últimas músicas ganharam até o apoio de adereços especiais. Miley e suas dançarinas usaram bumbuns falsos, com o dobro do tamanho de seus naturais, abusando do acessório em reboladas até o chão. Os hits We Can't Stop e Wrecking Ball foram responsáveis por fechar a noite, além do bis com a já antiga Party In The USA. De fato, festa ali não faltou.