Chick Corea emociona em noite de abertura do MIMO Olinda

Festival segue até domingo na cidade pernambucana

Cerca de 10 mil olindenses e turistas se emocionaram na noite de ontem (4/9) no primeiro concerto gratuito que o pianista e compositor americano Chick Corea apresentou no país. Acompanhando de sua banda de virtuosos The Vigil, formado por jovens instrumentistas, o músico foi a principal atração da noite de abertura do MIMO Olinda, que segue até domingo na cidade pernambucana.

Em duas horas de apresentação, repertório teve canções de seu disco mais recente, The Vigil, e homenagens a artistas como Tom Jobim (Desafinado), Paco de Lucia (Zyryab) e o baterista Roy Haynes, lenda do jazz (Roy-alty). No fim do concerto, o grupo apresentou uma das músicas mais consagradas de Chick Corea, Spain.

Mais cedo, na abertura do evento, o indiano Trilok Gurtu, premiado percussionista e compositor, fez belíssima apresentação para um público que lotou a Igreja da Sé. Trilok, que tem uma intensa relação com a música brasileira e é amigo do percussionista Naná Vaconcelos, apresentou obras do seu elogiado disco Spellbound.

Hoje, a festa continua em Olinda, e fica por conta de: CHAARTS (Mosteiro de São Bento, 18h); Renata Rosa e Emily Loizeau (Seminário de Olinda, 19h); Jodi Savall e Héspèrion XXI (Igreja da Sé, 20h30); Winston McAnuff & Fixi (Praça do Carmo, 22h30) e Bassekou Kouyate & Ngoni Ba (Praça do Carmo, 0h30).

Festival de Cinema

Além das apresentações, o Festival MIMO de Cinema, apresenta filmes consagrados com temática musical e a presença de diretores, como A Farra do Circo, de Roberto Berliner; Democracia em Preto e Branco, de Pedro Asberg; Triunfo, de Cauê Angeli e Geração Baré Cola, de Patrick Grosner. Nesta sexta-feira, às 19h, o documentário Jorge Mautner - O Filho do Holocausto será exibido com a presença do músico na platéia.