Paulo Caruso: Millôr era como um Deus para nós 

O escritor Paulo Caruso lembrou da convivência e do trabalho do cartunista e escritor Millôr Fernandes, que morreu na noite desta terça-feira (27). "Era um Deus para nós", disse em entrevista à Globo News.

Caruso afirmou que o amigo era um inovador e se adaptava muito bem a todas as realidades. "Ele começou a usar o computador e passar isso pros amigos", contou.