Jean-Luc Godard cancela viagem a Cannes

Agência AFP

PARIS - Um dos cineastas mais esperados em Cannes, o franco-suíço Jean-Luc Godard, cancelou a viagem ao festival para apresentar o longa-metragem "Film socialisme", confirmou a produtora Vega Film.

"Estamos todos muito decepcionados. Era o único festival de que ele (Godard) aceitava participar", anunciou a produtora.

O cineasta concederia uma entrevista coletiva após a exibição do filme, mas desistiu de viajar à Riviera francesa, alegando "cansaço e falta de vontade de estar em Cannes".

Mais cedo, o diretor geral do Festival de Cannes, Thierry Frémaux, confirmou ter recebido uma carta do cineasta, que foi publicada no jornal Libération.

Na carta, Godard, que já esteve nove vezes em Cannes, escreveu: "Com o Festival irei até à morte, mas não darei um passo mais".

"Por problemas do tipo grego, não poderei estar em Cannes", acrescenta Godard, cujo filme estreia nesta segunda-feira em Cannes e chega aos cinemas da França na quarta-feira.

O filme já está disponível no site FilmoTV.fr, filial da Wild Bunch, que negocia o filme.