Após admitir vício, Eminem comemora volta ao palco

Portal Terra

DA REDAÇÃO - Em uma nova entrevista à revista Vibe, o rapper Eminem afirmou que sofreu de um vício em remédios e chegou a ingerir cerca de 20 pílulas por dia. "Os números foram muito altos, e eu nem sabia o que estava tomando", disse à edição de junho da publicação.

Na primeira vez que sofreu com excessos em 2005, o cantor de 36 anos disse à revista que quase sofreu uma overdose depois que um desconhecido lhe deu pílulas azuis. Um médico disse ao rapper que era uma droga conhecida como methadone. "Meu médico contou que a quantidade da droga que ingeri é equivalente a quatro porções de heroína", disse.

Depois de sua recuperação, Eminem sofreu com um problema no joelho e precisou de cirurgia, mas por causa de sua reabilitação não podia tomar remédios para a dor.

"Revirei minha casa, até encontrar Vallium (um dos medicamentos) e tomei", afirmou. Assim , ele teve sua segunda queda e admitiu que tinha um vício. "Agora que sei que era um viciado, tenho compaixão por minha mãe", afirmou.

Feliz com o lançamento do novo álbum - Relapse, que sai em maio -, Eminem diz que está sóbrio há quase um ano e que está preparado para voltar à mídia. "Estou de volta. O rap é minha droga. A música me fazia bem e, de repente, parou de me deixar satisfeito. Então, precisei de outras coisas para ficar feliz. Mas agora o rap me faz feliz novamente", completou.