A Copa do Mundo do Faz de Conta: futebol e invenção numa história para crianças

Uma menina chamada Valentina é acordada no meio da noite por um mico-leão-preto chamado Américo. Como ela sabe o nome dele? O mico fala! E muitas outras surpresas essa noite promete: pegando um bonde voador, Américo leva Valentina para ver a partida final da Copa do Mundo do Faz de Conta. Assim começa o novo livro do escritor e roteirista Cesar Cardoso, ilustrado por Eduardo Sá e lançado pela Editora Biruta.

Este é o segundo livro infanto-juvenil que Cesar escreve com o tema do futebol. O primeiro foi O Gigante do Maracanã. Também publicado pela Biruta, em 2015, o livro foi selecionado para o Acervo Básico da Fundação Nacional do Livro Infantil e Juvenil e para fazer parte do Catálogo do Brasil para a Feira Literária de Bolonha, na Itália.

Macaque in the trees
(Foto: Divulgação)

A final da Copa do Mundo do Faz de Conta é: Castelândia do Sul x República Boiante dos Piratas. Esses são dois dos países que formam esse Mundo. Os outros são: a Floresta Amazônica Encantada, a Ilha do Tesouro Muito Valioso Mesmo, o Fundo do Fundo do Mar e a Terra das Mil e Uma Noites de Sono. As leitoras e os leitores vão saber tudo sobre esses países. E vão descobrir como o Bicho-Homem desafiou os deuses e acabou criando o futebol no Mundo do Faz de Conta, vão acompanhar a cobertura de todos os jogos da Copa, com o jornalista esportivo Tartaruga de Oliveira e os repórteres Peixe Vivo e Silvia Siri.

O livro ainda mostra a festa das torcidas, cantando “sou Castelândia de coração / ninguém derrota essa nossa seleção” e, do outro lado: “bate na lata, bate na lata, / vitória o teu nome é Pirata”. Um grande mistério quase impede o jogo final: o sumiço do Lobo Mau, o craque da República Boiante dos Piratas e maior jogador do momento. Aliás, as jogadoras e os jogadores mais importantes das seleções são bem conhecidos: Branca de Neve, Rapunzel, Capitão Gancho, Bela Adormecida, Saci Pererê, Gato de Botas, Pequeno Polegar, os Três Mosqueteiros, o Bicho Papão, o Pirata Barba Roxa e muitos outros.

Cesar Cardoso escreve para adultos, para jovens e crianças. Textos em versos e em prosa. O humor é uma de suas maneiras de olhar o mundo. E seus livros para o público infanto-juvenil já receberam o Selo Altamente Recomendável da FNLIJ, foram selecionado para o PNBE – 2012 - Programa Nacional Biblioteca da Escola, para o Programa PNAIC 2013 – Programa Nacional de Alfabetização na Idade Certa, do Ministério da Educação e para o PNDL 2018 – Programa Nacional do Livro Didático.

O escritor conta que tinha um avô que lhe contava histórias, descobriu os livros e, lá pelos 17 anos, quis inventar seus próprios mundos e virou escritor. "Se eu for escolher as cinco coisas que mais gosto de fazer na vida, com certeza escrever e ler vão estar nessa lista. E este novo livro vem de minha história. Sempre gostei de futebol. Torço pelo Fluminense e a primeira Copa do Mundo que acompanhei foi a de 1962. Graças às pernas tortas de Garrincha, o Brasil foi campeão, derrotando na final uma seleção que me encantou pelo sonoro nome de seu país, a Thecoslováquia. Desde então acompanhei todas as Copas. Ser escritor é viver um pouco (ou muito) no mundo do faz de conta. E a Copa do Mundo é o campeonato de futebol mais importante do planeta. Foi juntando essas duas ideias que criei o título desse novo livro: A Copa do Mundo do Faz de Conta", conta o escritor. 

____________

Serviço

Lançamento. A Copa do Mundo do Faz de Conta. Local: Livraria Blooks. Endereço: Praia de Botafogo, 316 - Botafogo. Data e horário: Dia 15 de junho, sábado, das 15h às 18h. 

Informações Técnicas - Autor: Cesar Cardoso. Ilustrador: Eduardo Sá. Editora Biruta ( 2019). ISBN: 978-85-7848-248-00. Preço sugerido: R$ 45,00. Número de páginas: 80. Idade: a partir de 8 anos. Formato 14 X 20 cm.