Casa França Brasil recebe exposição 'Assim Me Vejo'

Assinada por moradores da favela do Jacarezinho mostra vai até dia 30 de maio

Como eu me vejo? Como você me vê? Ao contemplar as telas de 34 adolescentes moradores da favela do Jacarezinho e assistir ao pequeno documentário sobre o processo vivido por eles, pode -se colher algumas respostas.

As telas e o filme compõem a instalação ASSIM ME VEJO, criada pelo artista plástico e arte-educador Helio Rodrigues e que estará em cartaz na Casa França Brasil até 30 de maio.


"ASSIM ME VEJO" tem a intenção de desconstruir os olhares estereotipados e discriminadores que produzimos sobre o retrato humano.

“Queremos fazer com que, enquanto os visitantes assistem à capacidade expressiva e sensível dessas crianças e adolescentes, repensem a imagem que esses jovens da favela comumente representam para a sociedade", explica Helio Rodrigues.

Entenda

Com a arte as crianças respondem aos visitantes: ASSIM ME VEJO. E para os visitantes fica a pergunta: será que a imagem que me representa é apenas aquela que vejo refletida no espelho ou capturada pela fotografia?

Ao entrar na Casa França Brasil o público começa a ser sensibilizado num primeiro ambiente repleto de fotografias em preto e branco de corpo inteiro e em tamanho natural dos jovens coautores, impressas sobre tecido transparente. A ideia é criar com esses panos uma “barreira frágil”, que o visitante precisa transpor para entrar em contato com 34 grandes telas dos 34 participantes com idade entre 9 e 16 anos.

Serão oferecidas ao longo do mês palestras para pais e educadores e oficinas para as crianças.

Serviço 

Instalação de Helio Rodrigues com participação de crianças e adolescentes do Projeto Eu Sou – Jacarezinho/RJ

Casa França Brasil: rua Visconde de Itaboraí, 78 - Centro do Rio 

Período: de 04 a 30 de maio

De terça-feira a domingo:  de 10h às 20h

Entrada Franca