Jornal do Brasil

Cultura

Um amor provisório, por quem entende

Jornal do Brasil

Bom diretor, como mostrou há pouco na cinebiografia de Éder Jofre - Dez Segundos para Vencer -, José Alvarenga Jr. supera-se no novo filme que estreia nesta quinta, 13. Intimidade entre Estranhos não é apenas o melhor filme do diretor - até agora. É também o mais pessoal, e até autobiográfico.

"Um filme que foi fundamental na minha vida foi O Verão de 42, de Robert Mulligan (lançado no Brasil como 'Houve Uma Vez um Verão). Fui muito marcado pelo erotismo e delicadeza daquela história. Depois, houve um episódio curioso. Ia na casa de um amigo e, no terreno ao lado, havia uma piscina. E dentro daquele retângulo de água, uma mulher linda. A gente se olhava. Intimidade entre Estranhos nasceu de todas essas experiências, e de outras mais. Já me relacionei com mulher mais velha, mais nova, tive mulher atriz. O filme é a soma dessas vivências."

Uma mulher chega ao Rio acompanhando o marido ator, que participa de uma telenovela bíblica. Ela se sente solitária. Termina tendo um affair com garoto (complicado) do prédio. Rafaela Mandelli é quem faz o papel.

"Estava num momento da minha vida em que precisava um papel assim. Sempre admirei o Alvarenga, quando soube que ele ia fazer o filme me escalei, mas me disseram que teria de fazer teste. Sem problema. Mas, depois que fiz o teste, me bateu um pânico. 'E se eu não conseguir? Meu Deus! Preciso fazer esse filme.' E, enquanto filmávamos, eu dizia pro Alvarenga. Ela (a personagem) tem camadas demais."

Deu tudo certo e a química entre Rafaela e Gabriel Contente, o garoto, é admirável. Um filme sobre afetos, carências, sobre um amor provisório, com um desfecho - olha o spoiler! - que mexe com o espectador. Além de Dez Segundos para Vencer - e a par de sua vasta atividade na TV -, Alvarenga dirigiu também o sucesso O Divã, com Lília Cabral, que já era sobre a (in)satisfação de uma mulher. Pai de três filhos homens, fazendeiro e surfista, ele tenta dar conta de tudo na sua vida superatarefada. É prova de maturidade criadora que entenda tão bem a intimidade entre estranhos.

Intimidade Entre Estranhos (Brasil/2016, 112 min.)

Dir. José Alvarenga Jr.

Com Rafaela Mandelli,

Milhem Cortaz, Gabriel Contente

As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.