Os novos formatos da TV paga

Hoje já contamos com, pelo menos, cinco serviços de streaming premium

...
Credit......

Houve um tempo em que só tínhamos a TV convencional, em UHF, com meia dúzia de canais. Que depois dobraram, com o uso da banda UHF (mais utilizada agora, com a TV Digital). Com a chegada da TV paga, chamada de “tv a cabo” (nem sempre era só via cabo, mas também por antena de micro-ondas ou satélite), as opções mais do que dobraram. Ainda que pagando. E foi assim por cerca de 25 anos por aqui. Até que surgiu o VOD e o streaming. E tudo mudou de um jeito como nunca antes.

Hoje já contamos com, pelo menos, cinco serviços de streaming premium (o pioneiro Netflix, Amazon, Starzplay, Disney+, HBO Go) e mais outros tantos de serviços menores, geralmente gratuitos - ou mais setorizados -, como o Vix, Pluto TV, AiryTV, que podem ser usados via aplicativo, ou via sticks. Pode-se dizer que é o fim da “tv a cabo” como conhecemos. Até porque, as próprias operadoras de TV paga (como a Claro/Net, a Vivo e a Oi) já estão se adaptando aos novos tempos, através da TV Box, que é um modo legalizado de oferecer conteúdo via IPTV.

Macaque in the trees
Tudo mudou de um jeito como nunca antes (Foto: Divulgação)

A Claro/Net já está oferecendo a sua Claro TV Box, que oferece uma grade de canais por streaming, alimentada por cabo de rede ou wi-fi, com preço mais em conta (a partir de R$20), que também dá acesso a serviços pagos à parte, como Netflix, Starzplay e HBO Go. O bom dessa modalidade é que você pode levar o aparelho para qualquer lugar do país, bastando conecta-lo numa rede. E pode desligar o serviço a qualquer momento, sem fidelidade.

Nesta mesma linha, acaba de chegar ao Brasil o DirecTV Go, que permite a mesma mobilidade (com mais flexibilidade do que a da Claro, porque permite dois dispositivos), que por R$59,90 por mês oferece mais de 90 canais, além dos à la carte (HBO, Telecine, Fox Premium, Combate) e está dando cinco (!) anos de HBO grátis para quem assinar o serviço neste mês de lançamento (HBO custa R$34,90, solo). O serviço pode ser acessado via site (de preferência, usando Google Chrome), smartphones (Android ou iOS mais recentes), em dispositivos como Roku e Fire Stick, Chromecast, Elsys, AppleTV, e nas SmarTVs Samsung ou TVs com sistema Android TV. Quem quiser conhecer o Directv Go, ele está com avaliação gratuita de sete dias.

R.U.G.I.D.O.S

*Além do Pluto TV (comentado aqui na semana passada) e do Vix, outro serviço gratuito com canais de TV, o Airy TV já pode ser usado no Brasil. Ele pode ser acessado diretamente em airytv.com ou via aplicativo (já tem no Fire Stick), e disponibiliza dezenas de canais divididos em estilos (filmes, séries, desenhos, comédias etc). A diferença é que ele está disponível apenas em inglês e em espanhol.

*O Disney+ lançará este mês no Brasil alguns títulos que seriam lançados nos cinemas, mas não foram por conta da pandemia: a versão live action de sua animação dos anos 90, ‘Mulan’ (a partir de 4 de dezembro); ‘SOUL’, a nova produção da Pixar (dia 25); e uma nova versão para o clássico ‘Beleza Negra’ (18).

*Os canais Fox e ESPN, comprados pela Disney, passam a se chamar Star, e estarão contidos numa aba do Disney+, a partir de fevereiro de 2021.

*“A Liga do Natal – Uma Aventura no Rio’ é um projeto multiplataforma que estreia dia 5 de dezembro, a partir das 14 horas, na InterTV e no YouTube. Com narrativas originais para a TV e Internet, a série é de classificação livre e toda acessível (audiodescrição, legendagem e libras), com o intuito de compartilhar a alegria do natal com todos os públicos!



...
O Disney+ terá exclusividade sobre os conteúdos de filmes e séries Disney, Pixar, Marvel, Star Wars, Fox, National Geographic