Seis dicas naturais para fluidificar seu sangue

Quando você tem problemas de viscosidade do sangue, precisa ficar atento. É algo silencioso, mas que pode colocá-lo em risco cardíaco, até mesmo criando coágulos e bloqueios perigosos. Nesta condição, é frequente a elevação da pressão arterial, pois o coração tem um trabalho extra para bombear o sangue. Costuma-se usar para isso vasodilatadores, nitratos que podem trazer benefícios, mas também condições desfavoráveis.

Macaque in the trees
Suco de beterraba pode ser bom aliado (Foto: Pixabay)

Mas há uma boa notícia que gera o mesmo resultado – sem os efeitos colaterais! Trata-se do óxido nítrico (NO), um gás produzido naturalmente pelo seu corpo. O segredo é estimulá-lo, pois em condições normais, suas artérias produzem o NO através das células do endotélio vascular, promovendo vasodilatação natural e relaxamento das artérias. O NO também ajuda a diluir o sangue e diminuir a viscosidade, prevenindo agregação plaquetária e consequentemente coágulos sanguíneos, ataque cardíaco ou derrame.

Como aumentar naturalmente os níveis de oxido nítrico

1. L-arginina

O NO é produzido a partir do aminoácido L-arginina nas células. Ele tem ação sinalizadora biológica que suporta a função endotelial normal e protege as mitocôndrias. Ao envelhecermos, perdemos progressivamente a capacidade de produzir NO. Por isso é importante estimular a produção. Consuma laticínios orgânicos, amendoim, nozes e até chocolate, que são boas fontes. Pode-se também suplementar a L-arginina, mas para isso, converse com seu médico.

2. Probióticos

Uma boa ecologia intestinal, rica em bactérias boas, ajuda a neutralizar nitrosaminas, enquanto a presença de bactérias ruins aumenta sua produção. Existe uma relação íntima entre nitratos da alimentação e várias bactérias intestinais. Há uma sequência natural dos alimentos se transformarem em nitrato / nitrito / óxido nítrico, que é influenciada pelas bactérias intestinais, como as bactérias probióticas Lactobacillus.

3. Beterraba

O suco de beterraba, por ter alta concentração de NO, pode ajudar a circulação ao reduzir a pressão sanguínea. Além disso, aumenta o fluxo sanguíneo, tendo influência positiva no exercício físico.

4. Cacau

É rico em antioxidantes e ativa as células endoteliais das artérias para produzir NO. Assim, reduz o risco de doença cardíaca, hipertensão e AVC.

5. Vitaminas C e E

Ajudam a preservar seus níveis de NO. Consuma frutas cítricas, brócolis, mirtilos, sementes de girassol, amêndoas, tomates e vegetais de folhas verdes. Uma suplementação pode ser indicada, mas converse com seu médico.

6. Exercício de alta intensidade

Promove aumento dos níveis de NO pela maior síntese da enzima NO sintase. O indicado é o treinamento curto de alta intensidade, como no programa supra aeróbico descrito no meu livro 20 Minutos e Emagreça.

7. Vitamina D

Ao tocar a sua pele, o UVA da luz solar libera o óxido nítrico na corrente sanguínea. Por isso, exponha-se com consciência ao sol.

Com essas dicas você agrega todos os benefícios que o óxido nítrico pode trazer e aumenta a saúde cardiovascular. É especialmente importante se você tiver dificuldades com a pressão alta. Supersaúde!

Referências bibliográficas:

•Circulation Research. 2005; 97:618

•Circulation Research. 2009; 105: 511-522

•Journal of the American College of Nutrition. 2004; vol. 23, nº 3; 197-204

•Int. J. Cardiol. Jan. 24, 2009; 131(3):424-429

•Journal Applied Physiology. 08/01/2013; vol. 113 nº 3

•9 Dicas Naturais para uma boa pressão arterial – www.DrRondo.com

•Vitamina D melhora sua hipertensão – www.DrRondo.com

WILSON RONDÓ JR. Médico Nutrólogo CRM RJ: 52-0110159-5