Jornal do Brasil

Marketing, Propaganda, etc.

Marketing, Propaganda, etc.

Renata Granchi

Propósito, o 5º P do Marketing

Jornal do Brasil

Produto, Preço, Praça e Promoção. Os aclamados 4Ps do marketing costumavam ser a fórmula de sucesso de qualquer empreendimento. Com a transformação do mercado e novos hábitos de consumo, surge um 5º P, o de Propósito. O empreendedor Lilo Chachamovits, responsável pela Visionários, uma agência de experiência e propósito, e do Quebrando Muros, iniciativa focada em levar oportunidades às periferias, explica que o consumidor hoje deseja se conectar verdadeiramente com as marcas, com algo maior do que ele mesmo e com algo mais profundo do que só produtos e serviços.

Macaque in the trees
(Foto: Divulgação)

O que é o Marketing de Propósito?

Em termos simples, marketing de propósito é quando as empresas comunicam algo que vai além da busca de seus resultados financeiros. Mas para fazer marketing de propósito genuíno, as empresas precisam primeiro entender qual é o seu papel no ecossistema chamado planeta terra e começar a criar ações que gerem benefícios reais. É quase como criar a alma do negócio. Ela vai sintonizar com aqueles que estão dentro da organização e reverberar com aqueles que estão fora.

Por que as marcas deveriam pensar mais em oferecer valor do que vender simplesmente um produto?

As marcas precisam ser relevantes para as pessoas e para o mundo. Se forem somente um produto, elas são descartáveis. Os seres humanos são seres relacionáveis. Isso quer dizer que eles gostam de se relacionar e toda relação para perdurar precisa que ambas as partes agreguem valor. Por isso a maior parte das relações são temporárias.

É verdade que as pessoas escolhem marcas pelo propósito, mais do que pelo preço?

O consumo é sinônimo de pertencimento. Vamos pegar as marcas de roupas por exemplo. Você veste a marca. Você veste aquilo que a marca representa. Ou seja, ela te empresta a imagem dela. Agora, o mundo está cada vez mais consciente. Então, qual é a imagem que você quer ter?

Como fazer um bom marketing de propósito?

A empresa precisa ter clareza sobre o papel dela no planeta terra. Algumas já nascem com propósito, com suas bandeiras. Seja alimentação orgânica ou tecnologias acessíveis. Mas essa é a realidade para um grupo ainda muito pequeno de empresas. Para maior parte delas isso é um processo e começa com dois grandes passos, definir qual é a bandeira que ela vai levantar e como vai atuar nessa causa. A empresa pode querer atuar diretamente na causa através de uma nova unidade de negócio ou Joint Venture ou pode atuar através de organizações sociais que trabalham na mesma causa. E pra levantar a bandeira ela pode olhar pra sua essência, processos ou valores.

E as campanhas ligadas a algumas causas que vêm tendo destaque?

Veja bem, existem campanhas muito bem sucedidas nessa área. Algumas empresas gigantes andam surfando, por exemplo, na bandeira da diversidade que está super em evidência. Mas elas não trouxeram isso de verdade pra suas essências, mostrando suas ações em prol dessa causa, metas e números concretos como resultados. Então, ainda que seja bom pra causa, é algo bem superficial e pautado na forma antiga de se fazer publicidade.

                                                                          ***

Altos executivos na mira da ESPM

A educação continuada se tornou uma necessidade para os profissionais que desejam estar sempre atualizados. Foi inaugurada em Itaim Bibi, em São Paulo, novo campus da ESPM, escola de negócios referência nas áreas de Marketing, Publicidade, Economia Criativa e Inovação. O local vai oferecer cursos de pós-graduação para altos executivos, chamados de C-level.

BEAT contrata ator Raul Gazolla

A produtora BEAT, dos sócios Nico Rezende e Paulo Henrique, completa 16 anos e anuncia Raul Gazolla na direção de atores e locutores. Situada no Rio de Janeiro, e com bases em São Paulo e Salvador, desde 2003 a produtora de áudio vem atuando na produção de spots, jingles publicitários e políticos, trilhas sonoras, sound effects, sound brandings, esperas telefônicas, temas para longas-metragens e espetáculos musicais.

Agência3 está de casa nova

Há mais de 15 anos em Botafogo, a agência se muda para Barra da Tijuca para um espaço maior, próximo de parceiros e fornecedores estratégicos. Tudo isso para acompanhar o crescimento e a nova fase da agência, que recentemente ganhou a conta da L’oreal na área de Social e CRM.