Por uma disputa saudável

“Se a gente conseguir pautar a sociedade para discutir a Assembléia além dos escândalos dos deputados já será uma vitória”, diz o deputado eleito Francisco Siemsen Bulhões Carvalho da Fonseca, o Chicão Bulhões, que assumirá em fevereiro seu primeiro mandato pelo Partido Novo. Diante das seguidas desistências de um candidato que pudesse disputar com André Ceciliano a presidência da Assembleia, Chicão colocou o nome à disposição. “Precisamos superar esse debate entre esquerda e direita e discutir com a sociedade como fazer aquilo funcionar”, diz ele com o ânimo comum aos calouros nesse tipo específico de eleição. Ele diz estar conversando com nomes como os deputados Luiz Paulo (PSDB) e Marta Rocha (PDT) na tentativa de construir uma chapa alternativa. Mas a tarefa, como se sabe, é para profissionais. O PSL, que seria o fiel da balança na disputa, rachou, com parte dos deputados estaduais eleitos na onda bolsonarista compondo uma aliança em torno do petista Ceciliano em prol de uma governabilidade mais serena para W2. Ele tem dito que não vai se envolver no processo, mas uma Assembléia conflagrada é tudo que o governador não deseja.

Chegou chegando

Auspiciosa a estreia da delegada Valéria Aragão à frente da 12ª DP (Copacabana). Em um vídeo de apresentação gravado por ela e distribuído a policiais de toda a Zona Sul, ela se coloca à disposição para receber “qualquer situação fragancial”, e anuncia seus planos: “vou até construir uma carceragem subterrânea para caber todos os presos que os senhores trouxerem para mim”.

Masmorras de Copa

Não foi preciso muito para a polêmica tomar conta de grupos de whatsapp da pulicada. Cadeia subterrânea tem nome: masmorra. E numa cidade onde faz 50 graus de sensação térmica no verão uma ideia como essa beira o surreal.

Outro lado

A coluna tentou sem sucesso contato com Valéria Aragão, que fazia parte do time das Delegatas, que fizeram sucesso na mídia em 2014. A assessoria da Polícia Civil disse que a delegada estava brincando com o fato de policiais estarem prendendo muito. Então tá. O vídeo com a brincadeira da delegada está disponível no site do JB.

Café da discórdia 1

A dona de uma lanchonete da franquia Casa do Pão de Queijo decidiu ir à Justiça para enfrentar a TV Globo, um dos maiores conglomerados de mídia do mundo. É que a empresária estava insatisfeita com os lucros obtidos dentro da Vênus Platinada, na Rua Von Martius, no Jardim Botânico.

Café da discórdia 2

Alegando que a Globo descumpriu o contrato que previa tabela de preços de lanchonete no Projac, a empresária entrou com ação na 1ª Vara Cível da Barra, pedindo danos materiais com compensação por danos morais no valor total de R$ 395 mil. Ela já teve recusado pedido de gratuidade no processo.

Jogo de xadrez

Além da primeira-vice e da presidência da poderosa Comissão de Constituição e Justiça, o acordo entre os deputados Márcio Pacheco, líder do governo W2, e o petista André Ceciliano incluiu a presidência da Comissão de Orçamento. O nome a ser indicado será de algum deputado que seja unha e carne com o Palácio Guanabara.

___________

LANCE LIVRE

A Câmara de Niterói fará sessão solene quinta-feira pelo Dia Municipal de Luta contra a Homofobia, iniciativa do vereador Leonardo Giordano.

Utilizamos cookies essenciais e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade.
Ao continuar navegando, você concorda com estas condições.
Saiba mais