Jornal do Brasil

Ciência e Tecnologia

Mineral raríssimo formado por impacto de meteorito é descoberto na Austrália

Jornal do Brasil

Na Austrália Ocidental foi descoberto um mineral extremamente raro, chamado reidite, que se forma quando um meteorito cai na crosta terrestre a uma imensa pressão, comunicou mídia local.

O golpe forte faz com que um mineral comum zircão se transforme em uma raríssima substância, que, pela primeira vez, foi encontrada na Austrália e apenas seis vezes em toda a Terra — nos EUA, na Alemanha, na China e na Índia.

Macaque in the trees
Meteorito (Foto: Vladimir Pesnya)

Desta vez, a substância foi descoberta na antiga cratera Woodleigh, situada nos arredores da baía Shark, relatou a imprensa local.

De acordo com o líder da pesquisa Aaron Cavosie, trata-se de um mineral de tamanho microscópico. O cientista destacou que todos os exemplares conhecidos de reidite do nosso planeta, provavelmente, seriam do tamanho de um grão de arroz, se fossem juntados em um só.

A cratera está enterrada debaixo de rochas sedimentares e seu tamanho ainda é desconhecido. Os pesquisadores agora estão tentando definir a cratera, e caso ela tenha um diâmetro superior a 100 quilômetros, como se espera, seria a cratera de impacto maior já encontrada na Austrália.

 

Além disso, eles desejam determinar a idade com mais precisão, mas, segundo avaliações atuais, remonta a 360 milhões de anos.



Recomendadas para você