Jornal do Brasil

Ciência e Tec - Internet

Internet das coisas: como esta tecnologia tem sido empregada por organizações

Jornal do Brasil MARINA VELOSO

Muitos usuários de internet já perceberam que sites ou dispositivos de tecnologia móvel sugerem produtos ou classificam locais de forma acertada. É bastante comum que os aplicativos de transportes perguntem ao passageiro se um dado local corresponde à sua residência. Não se trata de coincidências, já que há uma tecnologia por trás disso tudo.

Macaque in the trees
Uma das características das conexões que empregam este mecanismo é a captação de dados (Foto: Pixabay)

Chamada de IoT, a “Internet das Coisas” tem seu nome derivado da expressão em inglês “Internet of Things”. Ela é responsável por empregar dispositivos ou objetos que estejam conectados através de programas e outros meios, tais como chips e sensores. Dessa maneira, seu funcionamento tem sido visto em campos bastante distintos.

 

A internet das coisas como facilitadora de ações em massa:

Uma das características das conexões que empregam este mecanismo é a captação de dados. Estas informações podem ser coletadas e analisadas de formas que seriam inimagináveis até bem pouco tempo atrás.

 

Sua principal qualidade, em se tratando de grandes populações, é o conhecimento que se pode ter quanto ao emprego para ações empresariais. De posse de volumes elevados de dados, torna-se possível perceber padrões de comportamentos das pessoas e a partir daí algumas prospecções são feitas. As tendências são mais facilmente percebidas, havendo enorme valor comercial nisso.

 

Alguns meios que empregam este recurso:

 

A indústria não levou muito tempo para perceber que a internet das coisas é o tipo de tecnologia que veio para causar grandes avanços em várias áreas. Seja em utilizações domésticas ou para solucionar questões estatais de grande porte, o fato é que a IoT facilita e suscita muitos processos onde é empregada. Saiba em que ações esta pode ser empregada:

 

•Iluminação de áreas urbanas

Esta é uma das áreas mais favorecidas pela IoT. Para se ter ideia, pode-se contar com redução do consumo de energia utilizada em postes públicos, já que se processam monitoramentos de forma mais veloz e completa. Além disso, caso ocorra algum problema de distribuição energética, a tecnologia reporta aos setores responsáveis dessas ocorrências, diminuindo o tempo para solução de diversos casos.

 

•Gerenciamento de resíduos

Se programados para funções de limpeza pública, alguns dispositivos que empreguem IoT poderão tornar áreas urbanas mais limpas. Assim como se vê em relação à iluminação nas cidades, o recolhimento de resíduos também conta com monitoramentos. O que ocorre, na verdade, é que já tornou-se possível saber em tempo real quais locais precisam ser atendidos.

 

•Educação

Trocar informações de conteúdos de modo a se contar com maior acessibilidade é apenas uma das possibilidades da IoT para esta área. Outras formas de uso permitem com que a performance de estudantes seja monitorada de modo detalhado, bem como a própria presença de alunos em determinados cursos.

 

•Entretenimento

Diversão é algo largamente buscado por usuários de internet. Seja por meio de computadores ou com o emprego de dispositivos, o fato é que os jogos conquistam novos adeptos a cada dia. O caça niquel online é um exemplo deles. Neste segmento, que conta com diversas modalidades de jogo, a IoT pode ser utilizada tanto para se conhecer as preferências dos jogadores, quanto associada a dispositivos de realidade virtual.