Cidade espanhola de Medina Azahara é declarada Patrimônio da Humanidade

A cidade de Medina Azahara, perto de Córdoba, uma das joias deixadas na Espanha ao longo do período de dominação muçulmana da península ibérica, entre os séculos VIII e XV, foi declarada Patrimônio da Humanidade neste domingo (1).

"A cidade de Medina Azahara, na Espanha, acaba de ser inscrita na lista do Patrimônio Mundial da Unesco. Felicidades!", escreveu no Twitter a Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura.

Medina Azahara (em árabe Madinat al Zahra, "a cidade brilhante") é, junto com a Alhambra de Granada, a Mesquita de Córdoba e a Giralda de Sevilla, uma das joias deixadas na Espanha ao longo do período de dominação muçulmana da península ibérica, entre os séculos VIII e XV.

bur-meb/pc/es/ll