Diagnóstico assertivo contribui para o tratamento dos distúrbios do sono

Exame de polissonografia feito em casa é uma das opções e oferece diversas vantagens

Sabemos cada vez mais que nosso sono é uma necessidade real para que funcionemos bem durante o dia. Mas para isso, é imprescindível que tenhamos uma noite bem dormida. Atualmente, de acordo com a Classificação Internacional de Distúrbios do Sono (Cids), existem cerca de 90 distúrbios relacionados com o sono, como insônia, ronco, apneia, bruxismo, síndrome das pernas inquietas, entre outros.

De acordo com a Otorrinolaringologista e Especialista do Sono, Dra. Luciane Mello, fazer o diagnóstico dos problemas relacionados ao sono é o principal passo para iniciar o tratamento e evitar futuras complicações, como problemas cardíacos e a obesidade. “A polissonografia é o exame que faz o estudo do sono e, enquanto o paciente dorme, registra as atividades cerebrais, a oxigenação sanguínea, a respiração e até o relaxamento muscular do paciente. Mas para tornar esse momento mais confortável, hoje em dia, é possível a realização do procedimento na própria casa do paciente”, comenta a especialista. 

Tradicionalmente, o exame é realizado em hospitais e clínicas por meio da colocação de eletrodos na cabeça, cintas no tórax e no abdômen, além de sensores no rosto, dedos e pernas. E, portanto, um tanto desconfortável...

Com o procedimento portátil, a polissonografia é realizada com mais conforto na casa do paciente, já que é o local que ele está acostumado. “Com a mudança de ambiente, do domicílio para o hospital, e até da cama, o sono também pode mudar, alterando o resultado do exame e, assim, dificultar o diagnóstico correto do problema”, finaliza a especialista. 

Algumas dicas da especialista para as horas em que antecedem o exame são:

·  Evitar cochilos próximos do horário do exame;

·  Não ingerir café ou outros derivados da cafeína;

·  Não ingerir bebida alcoólica nas 48 horas que antecedem o exame.

Sobre a especialista

Dra. Luciane Mello é médica responsável pelo Ambulatório do Ronco e Apneia e pelo serviço de Polissonografia, ambos no Hospital Federal daLagoa (RJ). Membro da Associação Brasileira de Otorrinolaringologia e Cirurgia Cérvico-Facial (ABORL-CCF) e da Academia Americana de Medicina do Sono. Otorrinolaringologista graduada pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) e Especialista do Sono pela Sociedade Brasileira de Sono. Fez estágio na Universidade Stanford, na Califórnia, no setor de Sleep Surgery. facebook.com/dralucianemello