Niterói vai oferecer medicamentos fitoterápicos pelo SUS

Niterói será o primeiro município do Estado do Rio de Janeiro a oferecer medicamentos fitoterápicos – feitos com plantas medicinais – gratuitamente pelo SUS. Ao todo, serão cerca de 30 tipos de remédios para dores, inflamações, entre outros problemas de baixa gravidade. O projeto, de autoria da Fundação Municipal de Saúde, foi o único do Estado selecionado em edital do Ministério da Saúde. Em todo Brasil, apenas outros 11 municípios foram escolhidos.

O objetivo do programa é ampliar as alternativas de tratamento na rede pública de saúde, incentivando o acesso seguro e o uso racional de plantas medicinais, cujos efeitos terapêuticos, longamente conhecidos pela sabedoria popular, vêm sendo comprovados por pesquisas científicas em universidades brasileiras e de outros países. Para retirar os medicamentos, será preciso procurar a Farmácia da Universidade Federal Fluminense (UFF), em frente ao Hospital Universitário Antonio Pedro, com uma prescrição médica da rede municipal de saúde.

Outras cidades beneficiadas

“É um orgulho poder oferecer a Niterói um projeto desta importância. Depois de muitos anos de abandono, estamos trabalhando para que nossa cidade volte a ser referência em saúde pública. Além de distribuir os medicamentos para Niterói, estaremos à disposição para pedidos de outras cidades, dentro, é claro, do nosso limite de produção”, comemora o presidente da Fundação Municipal de Saúde, secretário Chico D’Angelo.

O projeto prevê ainda cursos, encontros e palestras sobre a fitoterapia no SUS para médicos, enfermeiros, farmacêuticos e estudantes da área de saúde. Será elaborada uma cartilha de orientação sobre usos e cuidados a serem observados com plantas e produtos fitoterápicos, para os profissionais envolvidos em seu cultivo e manipulação. A iniciativa tem parceria da Fiocruz e da Universidade Federal Fluminense (UFF), entre outras instituições.