Google exclui termo "ingooglável" de lista de palavras na Suécia

O Google pediu a exclusão da palavra sueca "ogooglebar" ("ingooglável", em uma tradução literal) da lista de palavras de 2012 do Conselho da Língua da Suécia. O Google alegou que o termo, definido como "algo que não pode ser encontrado na web com um motor de busca", se refere especificamente a pesquisas no Google, uma marca registrada. 

O Conselho retirou a palavra da lista, mas salientou o "desagrado com as tentativas do Google para controlar a língua". "Embora o Google, como muitas empresas, toma medidas de rotina para proteger nossas marcas, estamos satisfeitos que os usuários liguem o nome do Google com ótimos resultados", afirmou o porta-voz do Google Gustaf Brusewitz em um e-mail.