UE aprova compra da Motorola pelo Google por US$ 12,5 bilhões

A Comissão Europeia autorizou, nesta segunda-feira, a compra da Motorola Mobility pelo Google, transação no valor de US$ 12,5 bilhões. O órgão alegou que "é improvável que o Google restrinja o uso do Android apenas à Motorola, um player menor no Espaço Econômico Europeu (EEA)".

"Aprovamos a compra da Motorola Mobility pelo Google já que, após uma análise cuidadosa, esta transação não representa por si só problemas de concorrência", afirmou Joaquín Almunia, Comissário Europeu de Concorrência. A investigação oficial foi centrada na hipótese de o Google dificultar a utilização por parte de grandes fabricantes como Samsung ou HTC de seu sistema operacional, o Android.

No blog oficial do gigante de buscas para a América Latina, o vice-presidente da seção, Don Harrison, afirmou que o feito "é importante no processo de aprovação". "Neste momento estamos esperando as decisões das outras instâncias", diz o texto. O executivo continua reiterando que deve impulsionar o sistema operacional Android, da companhia de Mountain View.