Publicidade

Internet

Cinco hábitos para quem quer manter seus dados online seguros

Alguns hábitos e ferramentas simples podem prolongar a vida útil do aparelho e, principalmente, proteger o usuário de várias ameaças do mundo online

Foto: Pixabay
Credit...Foto: Pixabay

Pouca gente pode dizer que a internet é irrelevante para seu trabalho ou que não faz parte dos seus hábitos diários, sejam eles de mera distração e diversão, sejam em projetos mais sérios.
Estar conectado é uma realidade do século XXI, e isso quer dizer que, da mesma forma que nos preocupamos em estar seguros no carro, em casa e na vida física de maneira geral, nos sentirmos seguros na internet é essencial também.

Se pararmos para pensar na quantidade de dados pessoais e informações sensíveis a nosso respeito que inserimos na web todos os dias, com grande naturalidade, a preocupação com a segurança e inviolabilidade desses dados redobra.

A Lei Geral de Proteção de Dados determina um grau considerável de respeito a dados pessoais, mas no fim das contas cabe ao usuário proteger suas informações online da melhor maneira possível
Felizmente, existem várias maneiras de se manter seguro na internet e proteger seus dados e evitar que alguém que não deva vê-los possa obter acesso. Vamos listar, a seguir, cinco desses principais métodos, que você poderá aplicar imediatamente se quiser.

Como se manter seguro na internet
Todo mundo sabe que é preciso tomar alguns cuidados quando se estiver navegando, seja para trabalhar em home office, diretamente na empresa ou simplesmente passar o tempo e fazer atividades diversas na frente de um computador conectado.

Para todas essas situações e ainda outras, valem as mesmas dicas em relação à proteção de dados. Vamos ver:

1. Antivírus ativo sempre: Essa dica é tão óbvia que praticamente poderia passar batida, mas nunca é o suficiente frisar: não faça nada na internet sem estar com seu antivírus atualizado e funcionando. Nem é preciso se preocupar em pagar um caríssimo; dependendo do seu nível de uso, um grátis já é de grande ajuda para proteger seus dados.

2. Conexão VPN confiável: Configurar uma rede privada virtual (VPN) é um macete que nem todo mundo conhece, mas que pode ser bem útil para quem quer não apenas proteger seus dados de navegação, mas também poder explorar conteúdo que muitas vezes tem restrições geográficas, algo particularmente frustrante. O importante mesmo, porém, é a preservação da privacidade.

3. Manutenção regular do sistema: O antivírus faz as vezes de manter o computador ou celular seguro em relação a ameaças externas e possíveis malwares que tenham entrado, mas é sempre bom usar as ferramentas de manutenção interna para garantir uma máquina limpa, rápida e livre de cookies, cache e afins. Pode ser um programa de limpeza de dados ou a simples desfragmentação do sistema – tudo ajuda.

4. Verificação em duas fases: Você já sabe que usar como senha algo como “1234” ou, a pior de todas, “senha”, é uma péssima ideia, certo? Mesmo assim, ter uma boa senha pode ser pouco para prevenir que seus dados caiam em mãos erradas. Uma boa dica é ativar a verificação em duas fases nas suas contas online em geral – isto é, a senha não basta; é preciso que você valide o acesso através do e-mail ou do seu celular.

5. Cautela na navegação: Nunca é demais frisar, mas a maneira mais simples de manter seus dados seguros na internet é tomando cuidado com os tipos de site que você entra e links que clica. Tentativas de phishing, usuários mal-intencionados e outros tipos de armadilhas online estão sempre prontos para pegar os incautos, e o melhor a fazer é simplesmente não dar essa oportunidade, mantendo a guarda digital levantada.

Conclusão
Pense no uso da internet como uma caminhada na areia: é quase impossível não deixar rastros, mas é perfeitamente possível se proteger se não houver como te atingir. A metáfora pode parecer boba, mas é fácil de entender quando levamos em consideração a necessidade de segurança tanto na vida do “mundo real” quanto online.

Uma conexão VPN segura, um antivírus confiável, manutenção física e digital regulares e boas medidas preventivas de proteção à privacidade com senhas fortes, protocolos de verificação dupla: separados, são ferramentas úteis para qualquer usuário que se preocupe com a segurança dos seus dados; juntas, tornam o aparelho quase imbatível contra praticamente qualquer ameaça. Seja no seu ambiente profissional ou pessoal.