Duas pessoas morrem durante o Carnaval em Salvador

De acordo com informações das autoridades baianas, uma pessoa morreu eletrocutada e outra baleada por um policial em Salvador durante o Carnaval.

O motorista de um trio elétrico morreu quando o veículo teve contato com um dos cabos da rede de eletricidade. O acidente ocorreu no bairro da Barra quando o trio estava estacionado antes de iniciar o circuito Dodô. O homem, cuja identidade e idade não foram divulgadas, morreu após receber os primeiros socorros no Hospital Geral do Estado, para onde foi levado.

O veículo fazia parte do trio elétrico Concremassa 2, que deveria sair às ruas na tarde deste domingo. A companhia de energia Coelba informou que, por conta do acidente, o fornecimento de eletricidade foi cortado na região da Barra durante algumas horas.

Outro homem, de 39 anos, morreu na madrugada deste domingo no mesmo hospital. A segunda vítima foi atendida após ser baleada por um sargento da Polícia Militar (PM) na noite de sábado perto de um dos palcos instalados no bairro da Barra.

O sargento José Eduardo Neves Rodrigues, da 11ª Companhia Independente da Polícia Militar, foi detido no local e alegou ter atirado em legítima defesa após a vítima tentar roubá-lo.

O homem, que também não foi identificado, respondia na justiça a cinco processos por roubo a residências, um por porte ilegal de arma de fogo e outro por tráfico de drogas.

As autoridades confiscaram a arma do sargento para realizar uma perícia e analisam as câmeras dos circuitos de segurança de locais próximos ao do incidente.