Escolas da Série A abrem carnaval carioca na Sapucaí

Homenagens a Beth Carvalho e Gonzaguinha emocionaram o público

O carnaval carioca foi aberto oficialmente na noite de sexta-feira (24), com o desfile das escolas de samba da Série A na Marquês de Sapucaí. Homenagens aos cantores Beth Carvalho e Gonzaguinha emocionaram o público nas arquibancadas.

Acadêmicos do Sossego

Estreando na na série A, a Acadêmicos do Sossego abriu a noite de desfiles com o enredo “Zezé Motta, a deusa do ébano”, de Márcio Puluker. A homenagem celebrava os 50 anos de carreira da atriz e cantora.

Emocionada, a Zezé Motta agradeceu: "É uma emoção que não se explica". 

Alegria da Zona Sul

A escola teve problemas em carros alegóricos. Houve fumaça fumaça e corre-corre dos integrantes da escola. O último teve de ser empurrado, e era justamente o que levava a homenageada, a sambista Beth Carvalho. Apesar das dificuldades, o "Vou festejar com Beth Carvalho - A Madrinha do Samba”, animou o público. "Me sinto honrada, feliz, espero que a gente ganhe", disse Beth.

Unidos do Viradouro

A escola apresentou o enredo "Todo menino é um rei", de Jorge Silveira. A Viradouro transformou Batman, Super-Homem e Playmobil em fantasias. A comissão de frente tinha brinquedos, bonecos e carrinhos.

Império da Tijuca

A Império da Tijuca extrapolou em um minuto seu desfile. A escola  teve como enredo “O último dos profetas”, sobre a vida de São João. Uma ala representava o Rio Jordão. Houve também alusão ao sincretismo religioso, com candomblé e umbanda.

União do Parque Curicica

A União do Parque Curicica levou o enredo “O importante é ser feliz e mais nada”, com o objetivo de despertar a nostalgia do público ao lembrar delícias da infância. 

Estácio de Sá

A Estácio de Sá fez apresentou o enredo “É! O moleque desceu o São Carlos, pegou um sonho e partiu com a Estácio”, sobre a vida de Gonzaguinha, e emocionou com trechos das músicas do compositor.

Acadêmicos de Santa Cruz

A escola  homenageou a literatura infantil com o enredo "Vou levar somente o que couber no bolso e no coração, Uma viagem de sabedoria além da imaginação". Monteiro Lobato e Emília, do Sítio do Picapau Amarelo, além de bruxas e Mágico de Oz marcaram presença na avenida. Os ritmistas da bateria estavam fantasiados de príncipe encantado.