Império fecha Carnaval de SP com festa de aniversário

Portal Terra

SÃO PAULO - A Império de Casa Verde comemora neste ano 15 anos de fundação. Na madrugada deste domingo, a escola levou ao Anhembi o samba-enredo É feriado, é festa, é celebração, o tigre comemora na avenida e exalta o seu pavilhão, são quinze anos de paixão. Já com céu claro, a agremiação é a última a desfilar em São Paulo.

Apesar de nova, a Império tem dois títulos em sua história. Neste ano, foi para a avenida com números grandiosos: cinco mil componentes, 24 alas e cinco carros alegóricos. Tudo para, além de um retrato do carnaval, falar de feriados como o dia da mulher, dia dos pais, dia do mestre, dia das crianças, Páscoa e Natal.

Com fantasias típicas para cada feriado, o enredo começa pelo calendário religioso gregoriano cristão, passando por todas as datas da "folhinha". Em seguida, explica a tentativa de o mundo manter vivas as memórias mais importantes ao eleger suas datas cívicas.

No segundo e último dia de desfiles em São Paulo, desfilaram, além da Império, as escolas Gaviões da Fiel, Vai-Vai, Acadêmicos do Tucuruvi, desfilaram Mocidade Alegre, Pérola Negra e Leandro de Itaquera, recém-promovida do grupo de acesso.

Na madrugada de sexta para sábado, entraram no Anhembi as escolas Unidos do Peruche, Rosas de Ouro, Unidos de Vila Maria, Tom Maior, Mancha Verde, X-9 Paulistana e Nenê de Vila Matilde.