Brasil se aproxima dos 5 milhões de casos de coronavírus

De acordo com o balanço, o total de mortes em razão da pandemia é de 146.675, com um acréscimo de 323 novos óbitos entre ontem e hoje

Epa
Credit...Epa

O Brasil registrou mais 11.946 diagnósticos do novo coronavírus (Sars-CoV-2) no período de 24 horas, elevando o número total de casos confirmados para 4.927.235, informou o Conselho de Secretários de Saúde (Conass) nesta segunda-feira (5).

De acordo com o balanço, o total de mortes em razão da pandemia é de 146.675, com um acréscimo de 323 novos óbitos entre ontem e hoje. A taxa de letalidade se mantém em 3%.

No mundo, apenas Estados Unidos e Índia têm mais infectados que o Brasil — 7,4 milhões e 6,6 milhões, respectivamente -, de acordo com balanço da Universidade Johns Hopkins. Quanto ao número de óbitos, o país só perde para os norte-americanos (210.079).

O índice de mortalidade da doença no país subiu para 69,8 pessoas a cada 100 mil habitantes. Já a taxa de incidência aumentou para 2.344,7 indivíduos por cada 100 mil cidadãos.

São Paulo continua com o maior número de contágios e vítimas.

Desde o início da pandemia no Brasil, o estado registrou 1.004.579 casos e 36.220 mortes. A tendência de queda, no entanto, tem se mantido desde o dia 28 de setembro, quando o estado saiu de um período de estabilidade na média móvel.

No ranking de estados com mais casos também aparecem Rio de Janeiro (273.338), Ceará (243.106), Pernambuco (149.454), Minas Gerais (308.466) e Bahia (316.005).

Em relação aos óbitos, o Rio de Janeiro está em segundo lugar, com 18.780 vítimas, seguido de Ceará (9.056), Pernambuco (8.340), Minas Gerais (7.656), e Bahia (6.953).

A média móvel de casos em sete dias caiu para 25.967, enquanto a de morte reduziu para 660.(com agência Ansa)