Jornal do Brasil

Domingo, 20 de Maio de 2018 Fundado em 1891

País

Amorim diz que tem apreço por Jobim e agradece confiança de Dilma

Jornal do Brasil

Em um rápido pronunciamento a jornalistas na capital paraibana, o novo ministro da Defesa, Celso Amorim, agradeceu a confiança da presidente Dilma Rousseff e disse que tem apreço pelo trabalho dos antecessores e que pretende corresponder aos interesses da nação.

"Primeiramente, gostaria de agradecer a confiança da presidente Dilma Rousseff. Tenho apreço pelo trabalho dos meus antecessores. Quero corresponder aos interesses da nação", declarou o ministro.

Amorim disse ainda que deve se encontrar neste sábado, em Brasília, com os comandantes das Forças Armadas.

Amorim deve se encontrar com comandantes das Forças Armadas neste sábado

Jobim deixa a Defesa e Celso Amorim assume a pasta. "O copo encheu", diz líder do governo

>> Conheça a trajetória de Nelson Jobim no governo

>> Saiba mais sobre Celso Amorim, novo ministro da Defesa

Celso Amorim cancelou a entrevista coletiva que daria às 12h, na Universidade Estadual da Paraíba, e deu uma declaração aos jornalistas. Ele justificou o cancelamento da entrevista alegando estar impedido de falar sobre as mudanças na pasta que comandará em substituição a Nelson Jobim, que deixou o cargo ontem em razão de recentes declarações que causaram desconforto ao governo federal. 

A nomeação de Amorim e a exoneração de Jobim estão publicadas no Diário Oficial da União de hoje. 

Amorim está em João Pessoa desde ontem (4). De acordo com a assessoria da universidade, o convite para que o ex-chanceler fizesse uma palestra sobre Relações Internacionais e a política externa no governo Lula foi feito há mais de um mês pela coordenadoria de Assuntos Institucionais e Internacionais (CAII) da instituição. Apesar do cancelamento da entrevista, a palestra está mantida para o final desta tarde. 

O evento teve mais de 500 inscritos de universidades da Paraíba, Pernambuco, Rio Grande do Norte, Maranhão, dentre outros estados. A palestra ocorrerá no auditório da Estação Ciência, onde, durante a manhã, Amorim se reuniu com políticos e acadêmicos locais. 

Ex-chefe das missões brasileiras na Organização das Nações Unidas (1995-1999) e na Organização Mundial do Comércio (1999-2000), Amorim foi ministro das Relações Exteriores entre os anos 2003 e 2010, sendo substituído pelo ex-secretário geral do ministério, Antônio Patriota, no início do governo Dilma Rousseff.



Tags: amorim

Compartilhe: