Morte de chefe do tráfico na Zona Norte diminui frequência em escolas do subúrbio

Depois da morte do líder em venda de drogas no Morro do Urubu, em Piedade, na Zona Norte do Rio, as escolas públicas da região estiveram vazias na manhã desta sexta-feira (15). Apesar das escolas da região estarem funcionando normalmente, a morte de Jefferson Nascimento Ferreira, o Fefo, durante uma operação da Polícia Militar no Morro do Urubu deixou as crianças com medo de irem à aula.

Segundo informações da  assessoria da Secretaria municipal de Educação, não houve alteração na rotina das escolas, apesar da baixa frequência dos alunos.

De acordo com a assessoria da Polícia Civil, Fefo seria chefe do tráfico do Morro do Urubu e foi morto na quinta-feira (14) durante uma troca de tiros com policiais do 3º BPM (Méier). Mesmo sendo socorrido no Hospital Salgado Filho, no Méier, na Zona Norte, o traficante não resistiu aos ferimentos.