Blogueiro baleado em Copacabana deixa hospital

O blogueiro e advogado Ricardo Gama, de 40 anos, recebeu alta do Hospital Copa D´Or, em Copacabana, na Zona Sul do Rio, na tarde desta quinta-feira.

Desde de o último dia 23, quando foi baleado com três tiros - dois na cabeça e um no peito - ele esteve internado. Os disparos ocorreram quando ele passava pela Rua Santa Clara e foi surpreendido por homens que estavam em um veículo Kord Ka de cor prata.

A polícia acredita que o blogueiro foi vítima de uma tentativa de homicídio. A 12ª DP (Copacabana) investiga se o crime tem ligação com os textos que Ricardo escreve em um blog na Internet, onde publica denúncias de corrupção na política e polícia cariocas.

Em entrevista a jonal carioca, o blogueiro confessou que dobrará a atenção aos andar nas ruas. “Agora, é inevitável: serei obrigado a pedir proteção policial para mim e minha família”, disse ele, dois dias antes de receber alta hospitalar.

Sob a custódia de policiais do 19º BPM (Copacabana) no quarto andar do hospital, Gama evitou apontar culpados e afirmou que continua acompanhando a internet. 

“Estou formando uma pequena rede proteção com tudo que aconteceu. Hoje (ontem) voltei a entrar no Twitter um pouquinho, porque o olho direito ainda dói, e o número de seguidores subiu para 25 mil. As pessoas são solidárias”, afirmou. “Sempre soube que poderia sofrer algo que sofri, mas jamais imaginei que fosse no meu bairro, durante a minha rotina de casa até a academia", completou ele.

Entenda o caso

Ricardo Gama mantém um blog na Internet onde publica denúncias de corrupção na política e na polícia cariocas. A polícia acredita que o blogueiro foi vítima de um atentado por causa dos artigos que escreve em sua página.

Em agosto do ano passado, o blogueiro divulgou um vídeo em que o governador Sérgio Cabral e o ex-presidente Lula aparecem, supostamente, ofendendo um adolescente na inauguração de uma obra próxima à favela de Manguinhos, na Zona Norte.

O crime está sendo investigado pela Delegacia de Homicídio (DH), localizada na Barra da Tijuca, Zona Oeste.