Filho da funkeira Verônica Costa defende a mãe no Twitter

Jonathan afirma que acusações de tortura são falsas

O filho da ex-vereadora Verônica Costa, Jonathan, disse em sua conta no Twitter, na noite desta quinta-feira, que são falsas as declarações de Márcio Costa, atual marido da funkeira,  que diz ter sido torturado por parentes da mulher.



“Boa noite, infelizmente o amor é cego. Minha mãe escolheu o cara errado. Ela sempre tentou ajudá-lo e é isso que ganhamos em troca”, disse.



“Mentira tem perna curta. Tenho fé que logo a verdade virá a tona e tudo isso vai passar”, completou.


Na última quarta-feira, em entrevista ao programa TV Fama, da Rede TV!, Verônica Costa já havia rebatido as acusações e disse estar sendo vítima de chantagem.



Segundo ela, Márcio chegou em casa  bastante machucado e com cheiro de bebida. Ele, que de acordo com a funkeira é dependente químico, teria pedido cerca de R$ 100 mil para saldar uma dívida com traficantes.



Ao ouvir a resposta negativa, teria ameaçado ir à imprensa dizer que as lesões foram causadas por parentes dela. A funkeira pediu o apoio do público e afirmou já ter sido agredida duas vezes desde que começou o relacionamento com Márcio, há dez anos.


"Hoje (quarta) foi o dia mais triste da minha vida. Tentei ajudar o Márcio de todas as formas, mas ele jogou fora", disse.



Márcio teve queimaduras de segundo grau e ferimentos na face, pescoço, braços, pernas, tórax e abdômen. Segundo a assessoria do hospital, ele está lúcido, mas permanece anestesiado e ainda há risco de contrair uma infecção. Verônica foi intimada a depor sobre o caso, na próxima segunda-feira, na sede da 42ª DP (Recreio dos Bandeirantes)