Feridos em queda de muro no Rio continuam internados, diz Secretaria

 Três vítimas que ficaram feridas após a queda de um muro  na manhã desta quarta-feira (22) em Santa Cruz, Zona Oeste do Rio, continuam internadas. As informações são da Secretaria estadual de Saúde. No acidente, que aconteceu na Estrada Vitor Dumas, um menino de 4 anos morreu.

 

Segundo a Secretaria, Sônia Celita da Costa, de 43 anos, sofreu uma fratura na coluna e está sendo avaliada. Seu estado de saúde é estável. Já Anny Carolina Varela, de 8 anos, teve uma fratura exposta na perna esquerda e está no centro cirúrgico. As duas vítimas estão no Hospital Pedro II, em Santa Cruz.

 

Uma outra criança, Thaiane César da Costa, de 7 anos, deu entrada no Pedro II com trauma crânio encefálico, passou por exames, mas foi transferida para o Hospital Pereira Nunes, em Saracuruna, para ser avaliada pela equipe de neurologia do local.

 

Pela manhã, o Corpo de Bombeiros chegou a informar que quatro pessoas teriam ficado feridas, mas a Secretaria estadual de Saúde confirmou que apenas três pessoas deram entrada no Hospital Pedro II.

 

Ainda segundo os bombeiros e a Polícia Militar, o muro pertenceria à Escola municipal Bento do Amaral Coutinho. Entretanto, a assessoria de imprensa da Secretaria municipal de Educação e a direção do colégio afirmam que o muro não pertence à instituição.

 

Segundo a direção da escola, o muro, que estaria localizado nos fundos de uma igreja, caiu sobre pessoas que estavam em um ponto de ônibus. Ainda de acordo com a direção, não há crianças da escola entre as vítimas.